Caneta Jato De Plasma e os diferenciais para os melhores profissionais

A área de pele que mais sofre os efeitos do tempo é a que fica ao redor dos olhos, principalmente nas pálpebras, por ser mais fina e delicada. Por isso os cuidados com o rejuvenescimento das pálpebras e a correção de imperfeições têm impulsionado a busca por procedimentos estéticos que tenham bons resultados, com melhora estética palpebral trazendo mais brilho e firmeza a essa área.

Na oftalmologia estética, os métodos não cirúrgicos vêm assumindo a dianteira na preferência dos pacientes, motivados pelos avanços da tecnologia e pelo desejo de não se afastar de suas atividades. Não é sem motivo que o jato de plasma é cada vez mais indicado para rejuvenescimento de pálpebras e facial, tratamentos de ectrópio e entrópio, blefarite, entre outros, pois é altamente preciso e não afeta tecidos adjacentes.

Os efeitos são surpreendentes. O plasma gerado entra em contato com pele atingindo uma profundidade segura (derme papilar) causando um dano térmico tecidual controlado, estimulando a produção de colágeno e novas fibras elásticas e promovendo uma retração imediata na pele tratada.

Para casos como o de blefarite crônica, por exemplo, uma inflamação da pálpebra que afeta os cílios ou a produção de lágrimas, bem como de outros procedimentos oftalmológicos em que o plasma é indicado, o tratamento realizado com o Jett Plasma Lift Medical traz excelentes resultados. O aparelho é equipado com um aplicador de ponta fina especializado, o Plasma Pen, ou caneta de plasma.

O que é a caneta de plasma?

Desenvolvida para aprimorar o conforto e a precisão de qualquer procedimento oftalmológico, a caneta de plasma é um aplicador especializado, de ponta fina, que concentra a descarga de plasma em um feixe preciso e acurado.

Essa caneta de plasma possui um interruptor de acionamento na própria peça, que é mais fina e ergonômica que o handpiece padrão, garantindo, portanto, mais facilidade de uso e mais mobilidade já que a base do aparelho fica fixada em uma superfície plana.

A caneta de plasma conta com sete aplicadores: cinco de prata, para tratamento de contato cosmético e dois aplicadores de ouro, para procedimentos médicos minimamente invasivos.

O mecanismo de ação da caneta de plasma é o seguinte:

Para a blefarite, o calor gerado pela caneta de plasma facilita o amolecimento, a liquefação e liberação do conteúdo das glândulas de meibômio, que são glândulas sebáceas localizadas nas placas tarsais (faixa de tecido conjuntivo denso) das pálpebras.

A flora bacteriana nas glândulas e arredores é eliminada. Há um aumento da elasticidade das fibras ligamentares ao redor das glândulas e suas saídas (devido à corrente contínua). Por fim, o plasma ajuda a aumentar a produção das glândulas meibomianas não inflamadas.

Para o Ectrópio, afecção que tem como característica a eversão e queda da pálpebra inferior, e o Entrópio, caracterizado pela rotação interna da margem palpebral que empurra os cílios contra a córnea e o globo ocular, a caneta de plasma promove a carbonização do tecido, sua contração e o retorno à posição original.

Além do fato de o tratamento não ser cirúrgico, as vantagens da tecnologia inovadora do Jett Plasma com a caneta de plasma é que todo o procedimento é indolor, conta com corrente contínua e aplicadores de diferentes tamanhos que permitem a realização de tratamentos em regiões mais sensíveis como a do entorno dos olhos.

O equipamento conta com certificações internacionais e estudos clínicos comprovados, e é aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA e pelo Inmetro.

Saiba mais em: https://www.celebrim.com.br/jett-plasma